Ads 468x60px

26/07/2011

Abra os olhos

 eyeliner_Full.12185449_std
Texto: II Reis 6:8-23
Introdução: A Síria foi para o Norte de Israel e fez muitas investidas militares em Israel. Muito parecido com os israelenses e palestinos modernos. O rei de Israel foi capaz de antecipar estes movimentos militares e evitar a batalha. Olhe para o que o jovem viu. Quando ele olhou pela primeira vez ele viu cavalos e carros do exercito inimigo, quando ele olhou pela segunda vez ele viu as forças espirituais que cercavam o homem de Deus. O que vemos ao nosso redor?
I. Estamos cegos para nossas bênçãos.
O servo de Eliseu estava tão preocupado com os cavaleiros e soldados de Ben-Hadade, que ele se esqueceu do poder do Deus que Eliseu servia. Ele estava preocupado com sua segurança e a de Eliseu. 
Ele tinha visto muitos milagres realizados através de Eliseu, e um pouco mais cedo havia testemunhado o milagre do machado. Agora ele estava com medo. 
É tão fácil para nós rastejar em nossa ingratidão, queixa e resmungo. É tão fácil ser negativo sobre as pessoas e a vida. 
Quando se trata de ingratidão, todos nós devemos confessar-se culpados. Há tanta beleza, bondade e coisas boas ao nosso redor, e vemos apenas os desagradáveis. Vemos a lama e não as estrelas.
II. Estamos cegos para o sofrimento dos outros e as suas necessidades
O rei de Israel quis ferir o inimigo, mas Eliseu disse que não. Há fome ao nosso redor. 
Pense nas pessoas no Kuwait e Jordânia. Olhar em nossa cidade.
III. Estamos cegos para nossos recursos espirituais.
Quando Eliseu dependeu de Deus, os sírios os deixaram para nunca mais voltar. Nós somos como mendigos que vivem em uma terra rica em petróleo. Nós vivemos em pobreza espiritual, quando nós temos a chave (oração) para as riquezas da glória. 

Ilustração:
 Um casal levou uma bolsa de comida para a sua lua de mel. Eles empacotaram chocolates, biscoitos, pães e outras coisas para comer porque não tinham dinheiro. Eles não sabiam que as refeições estavam incluídas, e eles poderiam comer à mesa do capitão. 
Nós podemos sentar à mesa do capitão. Ele pagou a nossa dívida do pecado. Ele cuida de nós, e tem o poder para suprir nossa necessidade.
Conclusão: Querido, para de murmurar. Abra os olhos e veja as coisas boas que Deus tem lhe dado...
Pr. Aldenir Araújo


Leia mais http://opregadorfiel.blogspot.com/2011/07/abra-os-olhos.html#ixzz1TDotefit

Nenhum comentário:

 

Sample text

Sample Text

Sample Text